Meio ansiosa ou meia ansiosa

Meio ou Meia – Como usar. Afinal, devemos falar meio ansiosa ou meia ansiosa?

É importante saber distinguir como usar essas palavras tão comuns na nossa linguagem do dia a dia.

Meio

As crianças estão meio adoentadas.

Os joelhos estavam meio ralados.

A minha avó está meio surda.

A moça entrou no ônibus meio desanimada.

Meio está dando uma expressão de modo, jeito, maneira. Poderíamos perguntar:

Como estão as crianças? Resposta: Meio adoentadas.

Como estavam os joelhos? Resposta: Meio ralados.

Como está a minha avó? Resposta: Meio surda.

Como a moça entrou no ônibus? Resposta: Meio desanimada.

Nesses casos a palavra meio é invariável (advérbio), ou seja, não vai para o feminino e nem para o plural.

meio ansiosa ou meia ansiosa

Meia

Eu tomei meia xícara de café.

Crianças pagam meia entrada quando vão ao cinema.

Ela pegou meia maçã.

De meia em meia hora a enfermeira vinha medir a temperatura.

Meia passa a ideia de metade, numeral então varia (adjetivo).

Observação: Quando queremos nos referir ao horário, meio dia e meia é o correto. É meio dia mais meia hora.

Mais e Menos

As duas palavras são invariáveis. Portanto muita atenção: ‘menas’ não existe. É um erro imenso tentar concordar menos com a palavra seguinte. Menos é sempre menos. Como mais é sempre mais.

Ela é menos ansiosa do que sua irmã.

As professoras têm menos tardes livres.

As cabeleireiras atendem menos crianças no salão.

As pessoas falam menos bobagens.

Até a próxima, pessoal.

Se gostaram do artigo deixem um comentário. Obrigada.

Deixe uma resposta