Evite os erros graves ao escrever.

Evite os erros graves ao escrever.

A linguagem oral e a escrita são muito diferentes na comunicação. Quando falamos existe toda uma postura, um gestual, que faz parte da fala e podemos nos entender, muito graças ao que acontece num nível subliminar e não verbal. A linguagem oral é espontânea e imediata, nela usamos gírias, frases feitas e podemos fazer referências culturais relativas aos programas de televisão, cinema, futebol e outros. É uma comunicação por afinidades e muitas vezes há vocabulário e gestos próprios para grupos sociais determinados. Em situações menos formais há uma grande variedade de quase dialetos.

A situação fica mais complexa quando vamos escrever. A linguagem tem de ser mais precisa e objetiva em sentido amplo. Precisa ser compreendida por todas as ‘tribos’ de falantes do português e, portanto, o vocabulário e a forma deverão seguir o padrão da linguagem culta. Como é uma linguagem objetiva e generalista pode e deve ter correção na elaboração das frases.

Como não estamos na presença física da pessoa com quem nos comunicamos, não há a possibilidade de entender o que a pessoa queria dizer – lendo os sinais físicos e emocionais, lemos apenas o que ela disse, escreveu. É quase um processo para decifrar.

Vamos usar o texto abaixo para ilustrar a dificuldade de entendimento de um texto escrito assim. Como consequência, deixamos de ler tão logo percebemos a não clareza no encadeamento das ideias, não dá para entender as palavras como estão escritas e há uma falta total de pontuação.

A nossa intenção não é menosprezar o autor da mensagem, encontrada no Facebook, mas mostrar como ficaria legível e teria um real poder de comunicar a mensagem, caso fosse escrita seguindo as regras da linguagem culta. Cabe ressaltar que esse tipo de texto acaba nos causando uma rejeição que pode se estender ao autor dele. Muito cuidado, pois esse é um gatilho emocional/mental ao contrário; em vez de atrair, afasta.

 

Ola Galera Do Grupo, Gostaria De Saber Se Ter Como Montar Uma Lista De E-mail Sem Ter Uma Pagina De Captura É Sem Uma Pagina De Agradecimento Ou Se Nao Tiver Como Exister Um Servico De E-Mail Marketing Que Ja Veia Com Essa Pagina Pontas. Obrigado Pela Atencao Galera.

Vamos tentar decifrar?

Por que tantas letras maiúsculas?

Você acha que alguém respondeu a postagem? Claro que não.

Alguém que poderia ajudar logo pensa assim: se ele escreve assim, será que vai entender o que posso explicar? Se não entender, vai ficar insistindo com perguntas e eu não tenho tempo a perder, prefiro comunicar-me com alguém do meu nível intelectual e que possa ser meu cliente ou parceiro.

Então vamos reescrever a postagem:

“Olá, galera do grupo. Gostaria de saber se tem como montar uma lista de e-mail sem ter página de captura e nem uma página de agradecimento. Ou, se não tiver como, existe algum serviço de e-mail marketing que já venha com essas páginas prontas? Obrigado pela atenção, galera.”

Agora ficou inteligível, não é mesmo? E escrito assim poderíamos até responder… Vemos como é importante saber usar os recursos da linguagem culta para escrever. A leitura com atenção é um excelente exercício para aprimorarmos o nosso português escrito.

Pense nisso e revise sempre os seus textos.

Até a próxima.

 

 

 

2 comentários

Deixe uma resposta